Marcos Sérgio

Esportes de Rendimento




DICAS DA PRIMEIRA HABILITAÇÃO DE INSTRUTOR DE AUTO-ESCOLA
MARCOS SERGIO = INSTRUTOR DE TRANSITO



CURSO:


Formação de Instrução de Trânsito, Teórica - Técnica e prática de direção Veicular Promovido pelo Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN – SE e realizada pela Faculdade São Luiz de França.
Formação de Examinador de Trânsito, Promovido pelo Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN – SE, realizada na Faculdade São Luiz de França.
Senhores Futuros Condutores que estão adquirindo a maior idade, ou aquele que já tem idade permitida. Mais ainda não teve a oportunidade de ter sua carteira de Habilitação por questão do financeiro e outros e só agora teve essa chance, deixaremos alguma dicas que são mais cobrados no treinamento pratico com alguns anos de ensinamentos, observamos que precisavam dicas especificas na luta da primeira Habilitação.


CONSIDERAÇÕES GERAIS


Para adquirir a carteira nacional de habilitação é necessário que o interessado realize primeiramente a avaliação psicológica e posteriormente o exame de aptidão física mental (exame médico) Teórico e Pratico.


PROVA PRÁTICA (PERCURSO DE RUA, BALIZA E/OU GARAGEM).


É Constituída de um ou vários percurso ou em áreas com simulação de trânsito em que o aluno demonstra seus conhecimentos e habilidades através de ações diretas consideram-se para julgamento fatores como habilidade, precisão percepção, raciocínio lógico, controle etc.


ETAPA DA PROVA DE DIREÇÃO VEICULAR


1° Etapa – Colocação de veiculo em vaga delimitada tipo garagem ou por balizas removíveis conforme o caso – pode ser entendido como estacionamento perpendicular ou em ângulo ao meio fio. (Em algum Estado esta prova é aplicada juntamente com a prova de Percurso). Esta primeira fase é eliminatória.


2° Etapa – Nesta fase o candidato enfrentará o Trânsito e será avaliado pelo examinador em situações diversas, para que demonstre se assimilou o que foi ensinado durante a fazer de aprendizagem.
No percurso será conveniente que: exista semáforo, conversão à esquerda, conversão à direita, rotatória, possibilidade de desenvolvimento de velocidade mais alta, variedade de sinalização vertical e horizontal, tráfego denso, etc.



PRINCIPAIS DICAS
DICA N° 01


Como Ligar o carro – O veículo pode ser ligado quando a marcha estiver o ponto morto, o ponto neutro do carro pois ligando em marcha o veicula dará um chulavanco e apagara o fogo, será falta se o condutor ligar com o pé na embreagem.


DICA N° 02


Como ajeitar os retrovisores. O retrovisor interno é ajustado na posição do aluno o pára-brisa traseiro caberá dentro do retrovisor lateral é que o aluno passará a olhar todo movimento na retaguarda do veiculo, o ajustamento é que o aluno olhara do lado de fora do meio do carro para traz na visão diagonal e lateral.


DICA N° 03


Tira o pé da embreagem na saída do veiculo.
Dependendo de cada veiculo a tirada do pé da embreagem ficará mais eficaz quando apoiando-se no assoalho ou no chão do carro, nas primeiras tiradas o motor não reagirá porque, o inicio das tiradas serão neutras continuando - se a tirada observará que o veiculo começará a trepidar esse ponto de trepidação é que o veiculo está o ponto de movimentação a trepidação é o mais importante na saída, tirando-se o pé rápido o veiculo apagara o fogo. Pois, esse ponto tem uma semelhança da meia embreagem.

Obs: O pé esquerdo e exclusivamente para a embreagem; A primeira marcha que é a marcha de força é utilizada para saída do veiculo; e o pé direito colocará no acelerador um pouco dando força no motor.

- Lembrando-se que: O acelerador só terá ação depois que o pé da embreagem estiver acima do ponto de trepidação esse mesmo mantendo abaixo da trepidação toda força de arranque será neutra.



DICA N° 04



Na execução da meia embreagem, - a meia embreagem será o mesmo educativo anterior na tirada do pé da embreagem, é feito na ladeira que terá uma força maior contrária que é a descida, o que poderá fazer é colocar a mesma força contrária na subida, encontrando-se esta força o veiculo ficará parado que esse ponto é quando chega um pouco a mais da trepidação se o veiculo continuar subindo aperte gradativamente o pé dando sempre algumas paradas para não passar do ponto, se o veiculo continuar descendo fará o contrário terá que tira o pé da embreagem aos poucos, o objetivo é manter o carro parado em uma ladeira.

- Outra forma de fazer meia embreagem, em uma subida de uma ladeira fazer uma parada no centro dela apertando -se no freio e na embreagem, tirando-se o pé da embreagem devagar até o veiculo entra na trepidação nesse ponto o condutor tirará o pé do freio devagar observando - se a movimentação do veiculo manter estável foi concluída a meia embreagem, se o veiculo discer ou subir fará os educativos anteriores



DICA N° 05


Marcha que não estão compatível com a velocidade – uma marcha alta e a velocidade baixa o veiculo terá uma trepidação forte, continuando-se com essa trepidação o veiculo apagará o fogo, pois uma marcha baixa e uma velocidade alta o motor dará um sinal (acelerado).



DICA N° 06


Como para o veiculo – o modo correto de parar o veiculo é usar o freio devagar e antes da parada total acionar a embreagem. Exemplo: Freio + Embreagem + Freio Total.



DICA N° 07


Curva fechada – Diminua a velocidade reduzindo a marcha, antes de entrar na curva das vias urbanas geralmente é aplicada a segunda marcha pouco utilizada a terceira marcha, vá com calma até atingir o ponto de tangência (ponto onde o condutor começa a virar a direção), nesse ponto tenha cuidado com a velocidade acelere dozadamente até atingir o ponto de saída (ponto onde o condutor retorna a direção). Curva aberta – A curva aberta permite a entrada co o pouco mais de velocidade. Curva direita – Será sempre uma curva fechada e a esquerda aberta

DICA N° 08


Quando é que aciono a embreagem: O acionamento da embreagem será para três funções.
· Parada do veiculo
· Todas as vezes que for colocar a marcha
· E na meia embreagem



DICA N° 09


Como passar a marcha no veiculo – Sempre acionar a embreagem na passada da marcha, começando do ponto morto a primeira será pressionada para o banco do motorista para cima ou para frente a Segunda marcha, pressionando para o banco do motorista e para baixo ou atrás, a marcha terceira e quarta ficará acima e abaixo do ponto central do cambio e quinta será pressionado para o banco do carona e acima ou a frente, a marcha da ré dependendo de cada marca do veiculo a marcha ré poderá ser abaixo da quinta ou no levantar de uma trava de segurança será pressionado para o banco do motorista e para frente depois da primeira marcha.
Obs: Colocar a marcha em ponto morto com o veiculo em movimento será falta.



DICA N° 10


Sinalização pra esquerda e direita – A sinalização alerta os condutores, pedestres, ciclistas e outros, sabendo qual o lado o veiculo vai convergir em uma parada, saída e curvas será feita a sinalização.



Garagem e Baliza


Essa etapa classifica – se a primeira podendo-se ser eliminatória.

Garagem = Algumas dicas como fazer a garagem essas dicas são lembretes considerando –se que o aluno tem o acompanhamento de um instrutor.

Antes de iniciar os educativos algumas informações como:

O aluno terá três minutos para colocar o veiculo dentro da garagem de frente e de ré não poderá tocar nos cones terá só três tentativas não poderá mudar de marcha invertida acontecendo isso voltará para o ponto de partida.



Marcação usada pelo instrutor no treinamento da garagem pelo lado direito



















Marcação oficial para o teste

















Os três cones que formam um triangulo são usados como referencia para os instrutores. Pois são os maiores os demais simbolizam a complementação de uma garagem (parede e portas)






1° Etapa










Sinalização para onde vai colocar a marcha ré tira o veiculo e deixa na frente da garagem



2° Etapa








Com o veiculo na frente da garagem gira o volante todo para onde sinalizou e olhar o retrovisor contrário.
Obs: A Sinalização também poderá ser na frente da garagem depois olhar não é mais permitido

3° Etapa














Na olhada do retrovisor contrário encontrará o primeiro cone da entrada fechando-se no meios do retrovisor encontrando-se Dara duas voltas no volante para aliar-se



4° Etapa





Dara a ré até chegar próximo o cone olhando-se para o lado esquerdo até o cone da frente ficar no meio do vidro de trás considerando-se que na garagem é pelo lado (direito)


5° Etapa















6° Etapa




Na girada da direção olhará pelo retrovisor interno o cone do fundo até chegar no meio do retrovisor ou deixa o veiculo( reto) desfazendo com duas voltas a direção e por dentro da garagem
Obs: Antes de entrar na garagem observe os retrovisores laterais verificando se o veiculo tem espaço entre os cones, os mesmos estiverem na direção do veiculo muito próximo aconselha-se o retorno da garagem da frente







Outro tipo de entrada na garagem do lado direito







1° Etapa





Tirar o veiculo ate ficar na porta da garagem sinalizar para a direita onde esta a garagem da retaguarda



2° Etapa










Girar a direção toda para onde sinalizou e olhar o lado contrario (esquerdo) por cima do ombro esquerdo no canto da porta do condutor





3° Etapa






Olhar por cima do ombro encontrara o cone da entrada







4° Etapa





Encontrando-se o cone da entrada gira a direção toda para onde estava olhando até encontra o cone do fundo no meio do retrovisor duas vezes e entra






Treinamento da garagem pelo lado esquerdo







1° Etapa










Sinalizar para onde vai tira o veiculo e deixa na frente da garagem nesse caso para a (esquerda)



2° Etapa










Deixando na ponta da garagem gira o volante todo para onde sinalizou (esquerda) olhar o retrovisor contrario



3° Etapa










Deixar o Primeiro cone da entrada no meio do retrovisor encontrando-se o cone desfazer duas voltas para aliar-se os pneus



4° Etapa










Ir de ré até encontra o cone do vidro traseiro



5° Etapa










Encontrando-se o cone no canto gira o volante todo para onde está olhando até o veiculo ficar reto ou encontra o cone de trás no meio do retrovisor



6° Etapa










Antes de entra na garagem verifiquem os retrovisores externos os cones se tem espaço entre o veiculo


Outro tipo de entrada do lado esquerdo


1° Etapa





Colocar o veiculo na frente da garagem e sinalizar



2° Etapa





Deixar o veiculo na frente da garagem e sinalizar para o lado que esta indo gira a direção para onde vai todo o olhar do lado contrario


3° Etapa










No olhar do lado direito ate encontrar o cone da entrada aproximadamente no meio do vidro de trás da porta traseira



4° Etapa










Girar a direção todo para o lado que esta olhando (direito) vai de ré ate o retrovisor interno encontrar o cone do fundo no meio ou deixa o veiculo reto








Vamos falar da mais temível na prova prática que é a baliza

Baliza:

                Espaço da baliza aproximadamente

Exemplo:





Obs: O espaço será limitado com cones ou protótipo

1° Passo




2°  Passo





3° Passo




4° Passo





  Passo: Deixar os cones na direção do banco traseiro ou no meio da roda de trás do veiculo, sinalizar girar a direção para onde sinalizou e colocar a ré.
2° Passo: Olhar o retrovisor interno observará os cones ou protótipos de trás no retrovisor, continuando – se de ré até sumir essas referencias fazer a parada e girar o volante todo ao contrario.
3° Passo: Continuando – se a marcha ré o veiculo aproximará do meio fio, se for necessário ir para frente ou para atrás poderá fazê-lo com intuito do veiculo ficar entre o cones ou protótipo e o meio fio as duas rodas.
Obs: Considerando – se que o veiculo esta entrando pelo lado esquerdo os pneus da frente e de trás do lado esquerdo terá que ficar próximo do meio fio.
4° Passo A mudança de lado, sinalizar a direção que vai sair girar o volante para onde sinalizou colocar a primeira marcha observar o cone da frente ou o protótipo que está do lado de fora não encosta no veiculo.
5° Passo: Na volta prestar atenção se o cone da saída ou o protótipo esta no meio do retrovisor interno.
6° Passo: Achando o cone no meio do retrovisor colocar a ré girar o volante todo para outro lado e retorne.
7° Passo: Dai começará tudo de novo sendo que será pelo outro lado utilizando os mesmos passos do 1° até 7° que será o mesmo.

5° Passo






6° Passo




7° Passo





Na Avaliação na manobras de estacionamento (Baliza/Garagem)
·         O Aluno terá direto a três tentativas
·         Não poderá tocar nos obstáculos (balizamento)
·         O aluno não poderá tira as mãos do volante, ou vira-se para a retaguarda. Salvo quando o veiculo esteja parado;
·         O exame pratico de direção inicia no balizamento e constarão as faltas ali cometidas;
·         É advertido e notificado o candidato quando não sinalizarem indo ou voltando da garagem;
·         Não é permitida a colocação da cabeça ou corpo para fora do veiculo;
·         Todas as vezes que o veiculo mudar de sentido, contar como uma tentativa e será orientado a retornar a posição de origem

O  nervosismo no dia da avaliação
                No dia da avaliação (prova). O aluno perderá cerca de aproximadamente 20% a 30% da sua preparação (capacidade) no inicio que é influenciado através da reação nervosa depois de alguns minutos executando a prova a preparação (capacidade), Aumentará mais de 100% com a reação do hormônios da adrenalina ou epinefrina.
                Mais alguns ser humanos terá reações diferenciados por motivos de dominação negativa.
Pois assim, não alcançará os limites da capacidade ficando com as reações retardadas.

Exemplo:
                 - Não conseguir ver os obstáculos
                - As marcações
                - Não ouvir direito
                - Não sair do lugar
                - Não poder gritar
                - Não poder falar Etc.
Essas reações acontecerá nas provas: Praticas e Teóricas em qualquer situação

Falaremos um pouco de hormônio, adrenalina ou epinefrina onde localiza-se
Segundo Paulino –
                Nas glândulas supra-renais ou ad-renais localizam-se na face superior de cada rim.                       Dentre os hormônios produzidos pelos supra-renais, destacamos a adrenalina ou epinefrina, considerada o hormônio do medo, do susto, da raiva, ta tensão, da luta e da fuga. De fato, em situações desfavoráveis ou de emergência a adrenalina é lançada no sangue, deixando o organismo em estado de prontidão, aumentando sua capacidade de reagir.




Entre outros efeitos a adrenalina provoca:

                - Vasoconstrição Periférica (Palidez);
                - Aumento do ritmo respiratório e circulatório;
                - Vasodilatação nos músculos esqueléticos;
                - Aumento de atividade mental;
                - Glicogenólise no fígado;
                - Elevação da pressão arterial;
                - Retardamento da fadiga muscular;
                - Dilatação da pupila.

                Todos esses efeitos da adrenalina lançada no sangue contribuem para o individuo executar melhor as atividades próprias dos momentos de emergência.
                                               (Paulino, 2000, P263)

                Pois, essa adrenalina causa uma agonia que terá uma reação descontrolavel no corpo que no momento de ação reagirá produtivamente ou não ao movimento da ação reagirá positivamente ou não aos movimentos.
               
                Poderemos evitar essa perda quando temos dias marcados para essa angústia (prova, avaliação,teste), mesmo assim, aproximando-se do dia marcado começará a inquietação.

                Exemplo: O aluno que realizará prova pratica da primeira Habilitação para condutores.
                              
                Daremos um método fácil para alcançar resultados bons.
                Treinar, treinar, treinar e mais treinar.
Considerando-se que a repetição é a alma da perfeição.























3 comentários:

=' '= Dane =' '= disse...

Legais as dicas... Bom trabalho, está de parabéns!


Instrutor maluco!!! = P

=' '= Dane =' '= disse...

Tá mtooo parado esse blog... kd vc Prof pra movimentar isso aqui hein???????

Paulo Justos disse...

Pergunta! Estou em uma subida na terceira marcha, ai pego um pequeno congestionamento, ou seja, tenho que diminuir para a segunda e seguir um pouco mais lenta quase parando. Mas toda vez fico super nervoso então eu paro o carro e coloco primeira. A Meia embreagem neste caso seria a solução pois fico com medo de morrer o carro.

Postar um comentário